Whatsapp

Viva Melhor


   




MEC quer limitar tentativas para prova do Revalida para cortar gastos



Data: 11/09/2019


O Ministério da Educação (MEC) planeja limitar as oportunidades para médicos formados em outros países fazerem a prova de validação de diploma, conhecido como Revalida. A informação é do jornal O Estado de São Paulo.

Pelo projeto, o exame deixaria de ser subsidiado e só poderia ser realizado por um número máximo de vezes ainda não divulgado. "Quem não passou, não passou. Tchau. Pendura na parede o diploma e apresenta para os amigos", disse o ministro que comanda a pasta, Abraham Weintraub.

Atualmente, os candidatos podem fazer o teste quantas vezes for necessário. Weintraub tentou justificar a medida com a crise financeira do Brasil e afirmou que o MEC calcula que o gasto com cada participante chega a R$ 6 mil. "O Estado brasileiro quebrou. Não tem mais condição de fazer cortesia", disse o ministro.

Fonte: Rádio Metrópole com edição da ADUA-SSind.


Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:


aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL