Whatsapp

Viva Melhor


   


  21/10/2019



Docentes e estudantes da Ufam protestam contra visita de ministros de Bolsonaro



Professoras, professores e estudantes da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) protestaram, na manhã de sábado (19), contra a visita do ministro da educação, Abraham Weintraub, e da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, e em defesa da educação pública, gratuita e laica. Os ministros de Jair Bolsonaro palestraram durante a 5ª Conferência da Frente Parlamentar Evangélica do Congresso Nacional, no auditório da Nova Canãa, na zona sul de Manaus.

 

Empunhando cartazes com dizeres como “Weintraub inimigo da Educação”, “Damares inimiga da diversidade” e “ADUA pela Educação”, as/os manifestantes que protestaram em frente ao local do evento foram “convidados” a se retirar pela Polícia Militar mesmo realizando um ato pacífico. Na fachada da Ufam - que fica em frente ao local onde ocorreu a palestra dos ministros -, a Seção Sindical do dos Docentes da Ufam (ADUA) fixou uma faixa com os dizeres “O Conselho Universitário da Ufam rejeita o Future-se”. O projeto é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) que prevê a mercantilização das universidades públicas.

 

Desde o início do mandato em janeiro deste ano, o governo Bolsonaro já realizou diversos ataques contra a educação e a categoria docentes como cortes dos orçamentos das universidades federais, cortes de bolsas de pesquisa e, agora, tenta instalar o projeto “Future-se”. Já Damares Alves já fez diversas declarações que tenta confundir a opinião pública quanto às questões como diversidade, gênero e feminismo.

 

Foto: Em Pauta Online

Fonte: ADUA-SSind.



Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:


aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL