Av. General Rodrigo Otávio, 3000, Campus Universitário UFAM - Coroado

Whatsapp +55 92  98138-2677
+55 92  98138-2677


Viva Melhor


   




Centrais Sindicais realizam mutirão para coleta do abaixo-assinado contra a Reforma da Previdência



Data: 24/05/2019


De 27 a 31 de maio, as Centrais Sindicais estão convocando um mutirão nacional para intensificar a coleta do abaixo-assinado contra a Reforma da Previdência. As entidades, movimentos sociais, estudantis e de luta contra as opressões que compõem as bases da CSP-Conlutas já colocaram o abaixo-assinado na rua. A tarefa agora é ampliar o alcance.

A orientação é de expandir a coleta para bairros e periferias do país, fábricas, locais de trabalho, escolas, universidades, ocupações, acampamentos, terminais rodoviários, comércio e em cada lugar onde for possível. A semana servirá de impulso para que as entidades consigam coletar o maior número de assinaturas, antes da entrega ao Congresso Nacional, prevista para acontecer no início de junho.

A CSP-Conlutas afirma que também é urgente que os sindicatos e movimentos comecem a contabilizar e centralizar as listas de assinaturas já coletadas. "A Central fez um importante e expressivo trabalho de coleta que não pode deixar de ser divulgado. As listas devem ser enviadas via correio para a sede da nacional da Central, bem como, informar por e-mail à secretaria quantas assinaturas o sindicato, entidade ou movimento coletou", informa a entidade .

Greve Geral

Além de colocar na rua a campanha contra a reforma de Bolsonaro, esclarecendo a população dos graves ataques que essa medida traz à classe trabalhadora e ao país, o abaixo-assinado também tem servindo como impulsionador da divulgação da Greve Geral, convocada para o dia 14 de junho em defesa das aposentadorias.

Em diversos locais do país, bancas estão sendo montadas e vem recebendo participação massiva da população, que recebe bem a iniciativa, o que comprova a insatisfação com a intenção de Bolsonaro de atacar os direitos previdenciários.

Para a integrante da CSP-Conlutas Santa Catarina, Ingrid Assis Sateré, o abaixo-assinado tem sido uma demonstração de como a população é contra essa reforma que o governo Bolsonaro quer aprovar para retirar um direito conquistado com muita luta pelos trabalhadores.

“A aceitação para participar do abaixo-assinado tem sido muito grande. As pessoas querem saber os motivos da ação e temos aproveitado a ocasião para dialogar sobre os malefícios da reforma. Muitas pessoas estão pedindo para levar as folhas e coletas assinaturas para seus familiares e amigos”, disse.
 
Fonte: CSP-Conlutas com edição da ADUA-SSind.


Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. General Rodrigo Otávio, 3000, Campus Universitário UFAM - Coroado

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:
+55 92  98138-2677
+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL