Av. General Rodrigo Otávio, 3000, Campus Universitário UFAM - Coroado

Whatsapp +55 92  98138-2677
+55 92  98138-2677


Viva Melhor


   




Docentes de EAD do RJ conquistam equiparação salarial e fim do termo tutor



Data: 02/08/2018

Após anos de luta, os docentes de Educação à Distância (EAD) pública do Rio de Janeiro conquistaram a equiparação salarial com os docentes presenciais. Eles também conquistaram o fim do uso do termo “tutor” para se referir à categoria.

A vitória se deu por meio da Lei nº 8.030/18, decorrente do Projeto de Lei (PL) 2161-A de 2016, que foi discutido e votado pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

Desde 2015, os docentes de EAD têm lutado contra a precarização, vivenciada especialmente pelos então denominados “professores tutores”. Para a categoria, a denominação era contestada tendo em vista a importância da prática docente estabelecida por esses trabalhadores. A denominação também era contestada no que diz respeito às condições de trabalho e em relação à ausência de um vínculo empregatício formal, sem salários dignos e direitos trabalhistas. A remuneração deles era realizada na forma de bolsas de estudo e pesquisa.

Alexandre Freitas, presidente da Associação dos Docentes e Profissionais da Educação a Distância Pública do Estado do Rio de Janeiro (Adopead – Seção Sindical do ANDES-SN),  comemorou a promulgação da lei.

“Essa lei é fruto de nossa luta desde 2015 e nos traz uma grande conquista. Além de conseguirmos a equiparação salarial com os docentes presenciais, finalmente seremos tratados como os docentes que somos, e não mais desqualificados pela Fundação sendo tratados como tutores”, afirma.
 
Fonte: ANDES-SN


Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. General Rodrigo Otávio, 3000, Campus Universitário UFAM - Coroado

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:
+55 92  98138-2677
+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL