Av. Rodrigo Otávio Jordão Ramos, 6.200, Campus Universitário da UFAM, Setor Sul Coroado - CEP 69080-900 - Manaus/Amazonas

Whatsapp +55 92  98138-2677
+55 92 4104-0031


Viva Melhor


   


  01/04/2022


Ato "Pelas Liberdades Democráticas e em Defesa do Serviço Público" marca encerramento do 40º Congresso do ANDE-SN



 

Em conjunto com outras seções sindicais do ANDES-SN, a ADUA participou do ato "Pelas Liberdades Democráticas e em Defesa do Serviço Público" na sexta-feira (1º de abril), em Porto Alegre (RS).  A manifestação também fortalece as bandeiras de luta dos servidores públicos e das servidoras públicas federais pelo reajuste salarial do funcionalismo público, contra a Reforma Administrativa (PEC 32) e pela revogação da Emenda Constitucional do Teto dos Gastos Públicos. A mobilização fecha as atividades do 40º Congresso do ANDES-SN com a mensagem de que Jair Bolsonaro será derrotado nas ruas e nas urnas.

 

Cerca de 2mil pessoas saíram em caminhada da frente do Instituto de Educação, localizado próximo ao campus central da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) em direção ao Palácio Piratini, atual sede do Poder Executivo estadual, localizado no Centro Histórico da cidade, onde foi cobrada valorização dos servidores e das servidoras públicas.

 

 “Estamos aqui trazendo a rua pra luta, de onde nunca devia saído, pra gente mobilizar a população, conscientizar, chamar todo mundo pro fora Bolsonaro, em defesa dos serviços públicos, da universidade pública e de condições dignas de vida. A vida acima do lucro!” declarou o professor, Jacob Paiva.

 

Nas faixas, cartazes e falas públicas no carro de som, foi denunciado o aumento dos preços de combustíveis e alimentação, a alta taxa de desemprego e a fome no país.

 

 

“Finalizado o Congresso do ANDES, estamos aqui agora em um ato pelas liberdades democráticas. Estamos fazendo um ato contra todo o fascismo desse governo Bolsonaro. Estamos aqui também defendendo o aumento salarial para os servidores públicos e servidoras públicas. Vamos à luta e Fora Bolsonaro!”, enfatizou a presidente da ADUA, Ana Lúcia Gomes.

 

Durante todo o ato, foi enfatizada a necessidade de unidade de classe do funcionalismo público para defender os direitos dos trabalhadores e das trabalhadoras, a educação e a saúde. Trabalhadores e trabalhadoras do comercio local também apoiaram o ato e gritavam a palavras de ordem pedindo Fora Bolsonaro.

 

O presidente do ANDES-SN em exercício, Milton Pinheiro, destacou a importância da mobilização em defesa da universidade e da ciência.

 

“Estamos aqui em frente ao poder da burguesia, que durante muitos anos tem atacado os interesses da classe trabalhadora. Governos reacionários e burgueses do Rio Grande do Sul, que se especializaram em reformas neoliberais para atacar os direitos da população. Mas assim como resistimos à ditadura militar, nós resistimos e resistiremos a esses governos”.

 

Integrantes da Frente dos Servidores Públicos do Rio Grande do Sul, do Fórum pelos Direitos e Liberdades Democráticas e organizações estudantis também foram às ruas da capital gaúcha para defender a vida do povo brasileiro e dizer não à ditadura empresarial-militar.

 

 

 

 

 


A vida acima dos lucros. Fora Bolsonaro!

 

 

Ditadura nunca mais!

 

 

 

 

Fotos: Sue Anne Cursino/ Ascom

 

Fontes: ADUA com informações do ANDES-SN  



Galeria de Fotos
 

 

COMENTÁRIO:


NOME:


E-MAIL:

 






energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. Rodrigo Otávio Jordão Ramos, 6.200, Campus Universitário da UFAM, Setor Sul Coroado - CEP 69080-900 - Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:
+55 92 4104-0031
+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL