Av. Rodrigo Otávio Jordão Ramos, 6.200, Campus Universitário da UFAM, Setor Sul, bairro Coroado - CEP 69077-900 - Manaus/Amazonas

Whatsapp +55 92  98138-2677
+55 92 4104-0031


Viva Melhor


   


  04/02/2022


"O problema é o orçamento", diz Bolsonaro sobre reajuste a servidoras e servidores



 

Em campanha nacional, servidoras e servidores reivindicam justa reposição salarial pelas perdas causadas pela inflação nos últimos cinco anos. Ao ser questionado sobre o assunto nesta quinta-feira (03), em Rondônia, o presidente da república, Jair Bolsonaro, se limitou a afirmar que “o problema é o orçamento”. Se aprovado, o reajuste deve ser anunciado até o fim de março em cumprimento ao período eleitoral.

 

De acordo com informações do Portal Terra, há uma reserva de R$ 1,7 bilhão para reajuste salarial do funcionalismo público, cuja liberação depende do aval do presidente. Mas, existe um acordo para que esse valor seja usado para majorar salários de policiais federais, base de apoio de Bolsonaro.

 

O Orçamento Federal está comprometido desde a aprovação, em 2017, da Emenda Constitucional 95 (Teto dos Gastos), no governo de Michel Temer. A medida limita investimentos em áreas como Educação e Saúde. Por esse motivo, a revogação dessa emenda tem sido uma das principais reivindicações das servidoras e servidores.

 

A declaração de Bolsonaro sobre a questão do reajuste dos servidores e servidoras foi feita antes de encontro com o presidente do Peru, Pedro Castillo. Na ocasião, Bolsonaro lembrou o reajuste de 33% autorizado, na semana passada, pelo governo federal a docentes de educação básica. Mas, a maior parte do custo desse reajuste terá paga por governos e prefeituras, que já anunciaram que irão recorrer na Justiça para barrar o aumento.

 

Reivindicações

 

Além da reposição salarial de 19,99% e da revogação do Teto de Gastos, o funcionalismo público tem realizado manifestações pela derrubada da Reforma Administrativa (PEC 32/2020), que facilita o desmonte do serviço público. O ANDES-SN e suas seções sindicais têm participado dos protestos em conjunto com demais entidades representativas. 

 

Nesta quinta, a Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra) realizou uma live sobre a campanha salarial 2022 e a greve unificada do funcionalismo público, que deve ocorrer a partir de 9 março, caso o governo federal não atenda a categoria. O debate virtual com tradução em Libras pode ser assistido no canal do YouTube da entidade.

 

Foto: Alan Santos/Reprodução

 

Fontes: com informações do Portal Terra e Fasubra

 

Leia também

 

Servidores e Servidoras discutirão indicativo de greve, campanha salarial e PEC 32 em Plenária



Galeria de Fotos
 

 

COMENTÁRIO:


NOME:


E-MAIL:

 






energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. Rodrigo Otávio Jordão Ramos, 6.200, Campus Universitário da UFAM, Setor Sul, bairro Coroado - CEP 69077-900 - Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:
+55 92 4104-0031
+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL