Av. Octávio Hamilton Botelho Mourão, 6.200, Campus Universitário UFAM, Setor Sul, bairro Coroado 1. CEP 69080-900

Whatsapp +55 92  98138-2677


Viva Melhor


   


  23/09/2021


Manaus participa do Fora Bolsonaro no dia 2 de outubro



O grito de basta de mortes, desemprego, fome e inflação será ecoado novamente nas ruas de todo o Brasil. As entidades, movimentos e organizações que compõem a Campanha Nacional Fora Bolsonaro convocam todos e todas para o fortalecimento de mais um ato nacional pelo Fora Bolsonaro no dia 2 de outubro (sábado). Em Manaus (AM), está confirmada manifestação, às 15h, na Praça da Saudade.

 

Para a CSP-Conlutas (Central Sindical a qual a ADUA integra), dar um basta ao governo de Jair Bolsonaro é tarefa urgente em defesa da classe trabalhadora e de toda a sociedade. Por isso, a mobilização precisa se intensificar nos locais de trabalho, nas escolas, nas ocupações e moradias, com plenárias, assembleias, panfletagens e agitação nas redes sociais. O objetivo é organizar as manifestações e intensificar a divulgação das ações do governo que estão destruindo o país.

 

Basta de mortes, desemprego e carestia

 

Enquanto o presidente conta mentiras na 75ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), na última terça-feira (22), no Brasil, milhares de pessoas sofrem diariamente com os efeitos da pandemia e da política ultraliberal e autoritária, que massacra a todos (as), com quase 600 mil mortes causadas pela covid-19, carestia de alimentos, fome, aumento da inflação e do desemprego.

 

Bolsonaro, em seu ato negacionista diante da pandemia, atrasou a compra de vacinas contra covid-19, e tem ainda seu governo envolvido em escândalo de corrupção na compra da vacina Covaxin, esquema revelado na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, no Senado.

 

 O trabalhador e a trabalhadora sentem no bolso o resultado da falta de gestão, com aumento do preço do litro da gasolina, do gás de cozinha e da conta de luz. No Governo de Bolsonaro, o básico, moradia e comida, está cada vez mais inacessível para a maioria da população. 

 

Outros pontos críticos são os ataques aos (às)trabalhadores(as), por meio de tentativas de aprovação de reformas, como a Administrativa (PEC 32), as privatizações, a redução de direitos trabalhistas, e os ataques às mulheres, ao negros e às negras, as pessoas  LGBTQIA+, aos (às) indígenas, quilombolas, camponeses, sem teto, sem terra, à juventude e aos (às) aposentados(as). 

 

Esquemas de família

 

A corrupção no Brasil não acabou com a eleição do presidente Jair Bolsonaro. Muito pelo contrário. As investigações apontam que sua família está cada vez mais envolvida em esquemas, escândalos e corrupção. Os quatro filhos e a ex-esposa de Bolsonaro já estão na mira da Justiça.

 

Flávio Bolsonaro responde por organização criminosa, peculato e lavagem de dinheiro. Carlos Bolsonaro, é investigado por suspeita de ter utilizado 11 funcionários fantasmas para movimentar até R$ 7 milhões, desde 2001. Eduardo Bolsonaro é investigado por participação no esquema de fake news. E Jair Renan é investigado desde março, pelo Ministério Público, sob a suspeita de tráfico de influência e de ter relações espúrias com empresários.

 

Já a ex-esposa de Bolsonaro, Ana Cristina Siqueira, será ouvida pela CPI da covid-19, no Senado, suspeita de articular cargos no governo federal a pedido do lobista Marconny Faria, e é investigada por esquema de “rachadinha” (peculato).  Gravações divulgadas em julho pelo portal UOL também indicam que o presidente coordenou o próprio esquema de “rachadinha” enquanto era deputado federal (1991 a 2018).

 

Basta

 

Diante desde cenário insustentável o Brasil afunda cada vez mais. É preciso dar um basta e construir uma unidade de ação para a luta direta. Por isso, é urgente a intensificação das organizações das manifestações para o dia 2 de outubro em todo o país.

 

“O caminho para a classe trabalhadora é deter este governo nefasto, aumentando a pressão nas ruas e construindo uma Greve Geral”, concluiu o dirigente da CSP-Conlutas, Atnágoras Lopes.

 

Compartilhe os materiais de convocação para o ato:

 

 

 

 

 

Fora Bolsonaro e Mourão, já!

 

Fonte: com informações da CSP-Conlutas.

 

Leia mais: 

Impeachment já! Protestos pelo Fora Bolsonaro são marcados para 2 de outubro



Galeria de Fotos
 

 

COMENTÁRIO:


NOME:


E-MAIL:

 






energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. Octávio Hamilton Botelho Mourão, 6.200, Campus Universitário UFAM, Setor Sul, bairro Coroado 1. CEP 69080-900

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:

+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL