Av. Octávio Hamilton Botelho Mourão, 6.200, Campus Universitário UFAM, Setor Sul, bairro Coroado 1. CEP 69080-900

Whatsapp +55 92  98138-2677


Viva Melhor


   


  29/07/2021


Liberdade para Galo: Lutar não é crime!



 

O entregador de aplicativo, Paulo “Galo” Lima, e a companheira dele, Géssica, tiveram a prisão temporária decretada, nesta quarta-feira (28), pelo incêndio na estátua do bandeirante Borba Gato, na cidade de São Paulo, no sábado (24). A prisão é totalmente arbitrária até porque o casal foi voluntariamente à delegacia para prestar esclarecimentos. Géssica, inclusive, nem participou do ato no último sábado, pois cuidava da filha de três anos de idade.

 

A ADUA, o ANDES-SN e a CSP-Conlutas expressam apoio a Galo e Géssica. Que possamos revisar nossa história. Que ela seja contada pelo povo e que não seja colonizada nem criminalizada! Lutar não é crime! Liberdade para Galo e Géssica, já!

 

Leia a nota de solidariedade na íntegra do Sindicato Nacional: 

 

 

NOTA DA DIRETORIA NACIONAL DO ANDES-SN: TODA SOLIDARIEDADE AOS QUE LUTAM: NÃO A PRISÃO DE PAULO GALO E GÉSSICA!

 

O ANDES-SN presta total solidariedade (à)os lutadore(a)s sociais, Paulo Galo e Géssica, diante da prisão arbitrária que sofreram na tarde de ontem (28/07), quando os mesmos se dirigiram ao 11º Distrito Policial de Santo Amaro, em São Paulo, para dirimir dúvidas sobre a participação no ato político-popular que incendiou a estátua do assassino e abusador de mulheres, Borba Gato.

 

Diante de um ato dessa natureza, precisamos resgatar que vivemos no Brasil um genocídio da população em virtude da irresponsabilidade do governo federal com a pandemia da Covid 19 e esse crime não está mobilizando a justiça e a polícia. Portanto, trata-se de mais uma medida do Estado capitalista para criminalizar o(a)s lutadore(a)s sociais e punir quem está na luta em defesa da vida e dos interesses do(a)s trabalhadore(a)s e das causas populares.

 

O movimento de ação direta, desenvolvido pelo coletivo Revolução Periférica, incendiando a estátua do Borba Gato, caracterizou-se como uma ação democrática de resistência e legítimo direito de rebelião diante da sacralização de um personagem que ajudou a dizimar os povos originários, quilombolas e que abusou das mulheres dessas populações.

 

O ANDES-SN se coloca, mais uma vez, em defesa da verdade histórica e da memória do(a)s assassinado(a)s pelo ataque da classe dominante nos mais diversos momentos da história brasileira. Em defesa da luta popular e pela liberdade de Paulo Galo e Géssica! Brasília(DF), 29 de julho de 2021. Diretoria Nacional do ANDES-Sindicato Nacional

 

.

#liberdadeparagaloegessica!

 

Fonte: com informações da CSP-Conlutas e do ANDES-SN



Galeria de Fotos
 

 

COMENTÁRIO:


NOME:


E-MAIL:

 






energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. Octávio Hamilton Botelho Mourão, 6.200, Campus Universitário UFAM, Setor Sul, bairro Coroado 1. CEP 69080-900

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:

+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL