Av. General Rodrigo Otávio, 3000, Campus Universitário UFAM - Coroado

Whatsapp +55 92  98138-2677
+55 92  98138-2677


Viva Melhor Viva Melhor


   


  04/05/2021


Jornada intensifica luta contra PL 5595/20



 

Está previsto que Projeto de Lei (PL) 5595/20 seja votado nesta quinta-feira (6) no Senado Federal. Na semana passada, diversas seções sindicais do ANDES-SN se reuniram para debater e organizar as estratégias de luta contra o PL.

 

Esse projeto já foi aprovado na Câmara dos Deputados em abril e traz um duro ataque no setor da educação, pois define a educação básica e a educação superior como serviços e atividades essenciais. Isso significa a suspensão das atividades remotas e a obrigação ao retorno presencial de discentes e servidores da educação em um momento crítico de pandemia da covid-19 no Brasil.

 

A reunião virtual teve participação de cerca de 75 representantes das seções sindicais do ANDES-SN dos setores das Instituições Federais (Ifes), Estaduais e Municipais de Ensino Superior (Iees/Imes).

 

Foi apontada a necessidade de pressão para que os (as) senadores (as) não aprovem o projeto, bem como que haja mobilização de manifestação contrária ao PL por parte das reitorias e conselhos universitários.

 

Também foi aprovada a realização de um debate com a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior no Brasil (Andifes), Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) e Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem) com objetivo de que essas instituições se posicionem contra o PL. 


 
Ficou aprovada uma paralisação das atividades para o dia 19 de maio, sendo que até o dia 13 de maio cada seção sindical fará sua deliberação sobre este item.  A diretoria da ADUA deve se reunir ainda nos próximos dias para deliberar sobre esta pauta.

 

Para Mario Mariano Cardoso, coordenador do Setor das Ifes do ANDES-SN o PL 5595/20 é um verdadeiro projeto de lei da morte. “Se aprovado levará a circulação, e a ambientes de intenso encontro e contato, de milhões de docentes e estudantes da Educação Básica e do Ensino Superior em um momento crítico em que o Brasil ultrapassou as 400 mil mortes por Covid-19”.

 


Outros encaminhamentos da reunião foram o fortalecimento das denúncias dos cortes nos orçamentos das universidades, que atacam diretamente as políticas de acesso e permanência estudantil e a autonomia universitária, bem como o reforço na luta pela revogação da Emenda Constitucional 95, do Teto dos Gastos, e contra os processos de privatização interna nas instituições de ensino superior devido à falta de financiamento adequado.

 

A categoria também aprovou a  luta contra a Portaria 983/20, a qual regulamenta as atividades docentes no âmbito da carreira docente do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT) e traz ataques à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. O ANDES-SN junto ao Sinasefe deve ainda solicitar audiência pública no Congresso Nacional para debater os riscos desta portaria aos institutos federais e Cefet.

 

 

Fonte: Com informações do ANDES-SN.

 

Leia mais

 

ANDES-SN incentiva a defesa da vida em Carta Aberta contra PL 5595

 

Câmara aprova urgência para PL que proíbe suspensão de aulas presenciais durante pandemia



Galeria de Fotos
 

 

COMENTÁRIO:


NOME:


E-MAIL:

 






energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. General Rodrigo Otávio, 3000, Campus Universitário UFAM - Coroado

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:
+55 92  98138-2677
+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL